(don't) put here a lovely title

JE SUIS JOLIE-LAIDE.

Volúvel

Como não pensar que a informação que nos é passada através dos veículos de comunicação não é vendida? Não é volúvel? Hoje, ao assistir um dos jornais mais vistos do nosso país, vi o poder da manipulação em massa, pois, para muitos, aquela é a verdade e ponto e acabou.

Uma credibilidade construída com muito esforço, para hoje fazer pessoas de marionetes, fazê-las repetir frases que nem sequer entendem o porque, ou o que estão falando aquilo. 

Já faz algum tempo que eu não acredito em tudo o que me passam. É muito difícil uma mídia social me capturar a atenção de forma que eu realmente acredite que aquilo é verdade. 

Em um tempo remoto, digo, 7 anos atrás, pensei em ser jornalista. Hoje, vejo que se o fosse, morreria muito cedo. Seja por verdades que gosto de buscar, ou seja pelo próprio estresse de saber que não teria a liberdade que a profissão exige para escrever, uma das minhas maiores paixões, que infelizmente, por razões do tempo, está adormecida. 

Mas hey! Não se acomode! Estou aqui, e vejo tudo. 

Esquisito

A vida é uma brincante. Surpreende toda hora. Muito mais em redes sociais. Surpreende à cada post, à cada foto, à cada texto. Com o passar do tempo, você acaba nem esperando mais tanto das pessoas, ainda mas daquelas que por algum motivo ficaram pra trás. E aí vem algo e PAH. PUF. Nem pensava que iria se surpreender. Mas de tudo isso, o bom é saber que você sempre teve o controle da situação, seja para melhor ou para pior. ‘Como que fulano foi virar amigo de beltrano?’ ‘Mas não eram eles que não se gostavam?’ É. A vida faz as situações e prega peças nas pessoas. Ninguém está livre disso. Uma hora você está aqui, outra hora tá ali. Que filosófico, não?

Nem tanto. Nem me surpreendo mais. 

Mentira. Fiquei surpresa sim.

Pelo menus eu sou sincera.